Como trocar os interruptores da sua casa

Tempo de leitura: 3 minutos

Como todas as outras coisas, os interruptores de luz também tem vida útil, às vezes apresentam problemas, mau-contato, até uma sujeira pode interferir no seu funcionamento.

A maioria das pessoas corre para chamar o eletricista por não saber fazer, ou ter medo de tomar algum choque elétrico. Mas se você é do tipo faça você mesmo, aprenda aqui, como trocar os interruptores da sua casa.

 

Como funciona?

Para trocar um interruptor é bom que saibamos como ele funciona. Uma lâmpada na nossa casa, acende quando dois fios se encostam e formam uma ligação contínua. Veja o esquema a seguir:

                                                                                                            fonte: ensinando elétrica.

Isso é como um interruptor simples funciona na maioria das residências. Basicamente, quando os dois fios estão em contato, elas acendem a luz. O que o interruptor faz, é alterar entre encostas os fios (acender) e desencostar os fios (apagar).

Esse esquema provavelmente já estará pronto em sua residência, então, quando abrir o interruptor, provavelmente irá encontrar esses dois fios, se houver mais, significa que há mais lâmpadas e interruptores no cômodo.

                                                                                                                  fonte: g20 brasil

Interruptores ligados em paralelo como na imagem acima, acende as mesmas lâmpadas em locais diferentes, são muito comuns também.

 

Antes de trocar:

Agora que você já sabe que o interruptor simples funciona, você irá precisar verificar algumas coisas antes de trocá-lo.

O interruptor padrão é 10 Amperes, caso a corrente na casa seja maior, você pode identificar pelo interruptor antigo, lembre-se sempre de manter as mesmas especificações.

Uma chave de fenda pequena para retirar os aparelhos e abrir os contatos, um alicate para descascar os fios, fita isolante e alicate de testes podem ser utilizados também.

 

Como trocar:

Primeiro, você deve garantir a segurança desligando o disjuntor do cômodo, verifique se a energia está de fato desligada, acendendo e apagando o interruptor várias vezes.

Segundo, você deve remover a tampa do interruptor, os novos não possuem parafusos e são apenas encaixados, nesse caso, apenas puxar pode removê-lo. Já os mais antigos possuem parafusos, remova-os e não os perca.

Terceiro, você deve remover os parafusos do interruptor que o seguram na parede, e puxá-lo para fora, junto com os fios, tome cuidado para não danificar os cabos.

Quarto, para soltar os fios do terminal, você pode usar uma chave de fenda pequena ou cortá-los com o alicate. Soltar irá evitar que você precise descascar o fio novamente.

Por normas elétricas, você provavelmente irá encontrar cabos das cores vermelho (fase), azul (neutro), verde/amarelo (terra). Nem todas as casas possuem aterramento.

Quinto, com os fios soltos, solte o terminal do interruptor novo, desrosqueando o parafuso. Coloque o fio da fase no terminal do meio, e os outros em quaisquer terminais.

Tenha certeza que a parte desencapada do fio esteja em contato com os parafusos, aperte bem, deixando-o firme, e insira de volta na parede.

Coloque os parafusos do interruptor de volta, fixando-o na parede e em seguida coloque o espelho.

Ligue o disjuntor e teste.

 

Outros tipos de interruptor:

Trocar um interruptor é uma das tarefas mais simples da manutenção da casa, mas alguns podem ser mais confusos, como interruptores em paralelo, entre outros.

Nesses casos, o ideal é que você copie a ligação anterior e simplesmente a coloque no interruptor novo.

Seguindo os mesmos passos de segurança, desligue a energia e retire o interruptor da parede. Depois, é só olhar onde os cabos estão conectados no interruptor antigo, e fazer a mesma ligação no novo, só colocar na parede e testar.

 

Caso não se sinta seguro o suficiente para fazer esse tipo de manutenção, chame um eletricista e peça ajuda.

Se tem outras dúvidas ou precisa de interruptores, entre em contato conosco pelo WhatsApp.

Estaremos sempre à disposição para ajudá-lo com material para fazer a melhor manutenção na sua casa.

Você também pode se interessar:

Os segredos da instalação hidráulica sem erros!
Plantas para ambientes internos com sombra e pouca luminosidade
Sustentabilidade na sua obra: práticas simples e rápidas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *